PROVANDO O BARREADO DE MORRETES

segunda-feira, janeiro 09, 2017


Oi gente!

Quem segue a gente no Instagram viu que passamos alguns dias nas prais do Litoral Paranaense! Aproveitamos para relaxar um pouco e visitar a cidadezinha história de Morretes/PR, o único município litorâneo do Paraná que não tem praia... hehe

Claro que, pra quem como eu, amaaaa gastronomia, não poderia deixar de provar o prato típico da cidade, o Barreado!

Saímos assim umas 10 horas da manhã de Matinhos/PR e fomos rumo direto à Morretes/PR a fim de almoçar o prato típico da cidade. Muitos restaurantes na cidade oferecem esse prato, acabamos optando em comer no Terra Nossa porque achamos o lugar bonitinho:


O prato custa R$39,90 por pessoa, é servido na mesa (conforme disposição da foto acima) e você pode repetir os pratos quantas vezes quiser. 

O restaurante é bem agradável, com cadeiras dispostas na fachada aberta cheia de charme!

Nós comemos o Barreado Tradicional, mas existe também a versão com frutos do mar. Nessa você vai pagar um pouco mais, mas não vou me recordar agora o valor. Como não como frutos do mar fiquei com o tradicional mesmo.


A receita do barreado é simples: leva carne, condimentos, farinha de mandioca e a paciência para que tudo se desmanche na medida certa.

Achei uma receita bem interessante no site G1 que passo aqui pra vocês:


Ingredientes:


 2 kg carne de segunda (lombo, paleta, músculo)

 2kg de cebola bem picada

 100g de bacon picado

 100g alho

 100g de toucinho

 Uma colher de sobremesa rasa, de cominho puro moído

 Seis folhas de louro

 Farinha de mandioca

 Sal e pimenta do reino a gosto


Modo de fazer:


 Corte a carne em cubos de mais ou menos cinco centímetros. No fundo da panela de pressão, coloque a carne e todos os ingredientes por cima. Cubra todo o conteúdo com água. Acrescente mais água até cobrir um terço do que havia sobrado sem conteúdo na panela. Feche e coloque para cozinhar por três horas. O ponto certo da carne é quando ela está fibrosa e começa a se desmanchar quando é tocada com o garfo.

É importante que a carne seja de segunda, pois esse tipo possui mais fibras e aguenta melhor o tempo de cozimento. Carnes como alcatra e mignon, por exemplo, se desmancham completamente, transformando-se apenas em caldo. 


Para servir, deve-se colocar duas colheres da farinha para duas conchas de barreado fervendo em um prato fundo. É importante que a carne esteja muito quente para que ajude a cozinhar um pouco da farinha no momento da mistura. 

Come-se junto com banana e essa mistura achei deliciosa!

Acho que todos os paranaenses precisam ter essa experiência gastronômica. Um prato de sabor marcante e delicioso, merece ser degustado!

Espero que tenham gostado do post!
Um beijão e até a próxima.
Priscila Schulz

acho que vai gostar desses posts:

1 comentários

  1. Nunca tinha ouvido falar desse prato, mas pela tua descrição, pelas fotos e pela receita acho que ia gostar :D

    ResponderExcluir

"Adoro receber seus comentários, eles enriquecem o conteúdo do blog e me deixam muito feliz."
Muito obrigada pelo seu comentário!
Priscila Schulz

Blogs Parceiros


Onde Estamos

tuasreceitas.com.br mytaste.pt Receitas
Blog Saboroso no Receitas na Rede